Dicas do ano de 1647 para usar imediatamente…

livro

Baltasar Gracián era jesuíta e escreveu “The Pocket Oracle and Art of Prudence” (“O Oráculo de Bolso e a Arte da Prudência”) em 1647. Isso mesmo, 367 anos atrás. O livro é mais velho que muitos países e muitas teorias econômicas. Gracián faleceu em 1658 deixando grandes contribuições em outros estudos e livros.

As lições de Gracián são extremamente atuais para todos nós em vários campos de nossas rotinas: no próprio negócio, na vida financeira e nos relacionamentos interpessoais. Quem observa suas palavras sem conhecê-lo, diria que ele é um colunista de um jornal de grande circulação ou um blogueiro bastante seguido na web.

Gostaria de compartilhar com você alguns trechos do livro. Mais uma vez, não se assuste se algo lhe parecer tão familiar com os dias modernos:

# “Em suas questões, crie suspense…O silêncio cuidadoso é o refúgio do bom senso. Uma decisão declarada abertamente nunca recebe respeito.”

# “Lide com pessoas com as quais você pode aprender algo…Faça delas seus professores…”

# “Tenha um suporte inteligente. A grande fortuna dos poderosos: estar acompanhado de mentes incríveis que possam salvá-lo de situações críticas…”

# “Conhecimento e boa intenção…Essas duas coisas garantem sucesso repetidamente.”

# “Não crie expectativas no início… A realidade pode nem sempre atender nossas expectativas inicialmente. É fácil imaginar a perfeição mas muito difícil de consegui-la.”

# “Conheça sua qualidade-chave, seu dom…Cultive-o e melhore o restante. Muitas pessoas poderiam ter sido proeminentes se conhecessem sua melhor qualidade.

# “Reconheça as coisas no seu auge e saiba como tirar vantagem delas…Os feitos da natureza atingem um pico de perfeição: até este ponto, um processo de evolução; depois disso, o declínio.”

# “Tome cuidado ao coletar/receber informações… Nós vivemos, principalmente, de informações. A verdade é normalmente vista mas raramente ouvida.”

E, certamente, uma das frases mais importantes:

Nunca perca seu respeito próprio…Mesmo quando estiver sozinho, não seja tão severo consigo mesmo e permita que sua integridade seja a medida de sua retidão.”

E então, que tal colocar em prática alguns desses ensinamentos? As dicas são antigas mas a validade delas poderá ser eterna.

Uma boa semana para você !

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *