O mal que a inflação lhe faz…

Antes de falar do impacto negativo da inflação em sua vida vamos entender o conceito: muitas pessoas acham que inflação significa preços altos. Não é bem isso. Inflação é um fenômeno que leva à elevação constante e anormal dos preços.

inflacao no brasil 1980 - 2013

Fernando Cardoso, um ano antes de assumir a presidência, era Ministro da Fazenda do Governo Itamar Franco e foi um dos idealizadores do Plano Real. O plano foi um sucesso e a inflação caiu vertiginosamente no 2o semestre de 1994.

FHC e Lula (no seu 1o mandato) contaram com um controle cambial maior que permitiu ao país manter sua moeda valorizada durante alguns anos o que ajudou a segurar os preços das importações e, por conseguinte, dos preços no mercado interno.

E porque aquele dragão que parecia domesticado pelo Plano Real voltou a atacar?

A crise de 2008 além de quebrar empresas e países, trouxe incertezas e medos logo após um ciclo de grande euforia dos mercados financeiros em todo o mundo. A primeira reação de mercados desenvolvidos é de contração e queda no consumo. O crescimento da economia torna-se pífio e o desemprego aumenta.

No Brasil, a partir de 2008, iniciou-se uma série de medidas para incentivar o consumo e tentar aliviar os efeitos da crise financeira global. Crédito fácil, incentivos de isenção de IPI para automóveis e linha branca e outras medidas para manter o consumo elevado, E aí está o problema…

O varejo no Brasil, há vários anos seguidos, têm crescido à taxas muito superiores à indústria. Isso é péssimo pois estamos regredindo: as indústrias ficando obsoletas e sucateadas, os preços de serviços e mão de obra inflando cada vez mais e uma população de 200 milhões de habitantes sedenta para comprarem o que vêem pela frente sem a preocupação do endividamento. Assim, os preços não param de aumentar.

Isso reflete em sua capacidade de compra atual e futura pois todos os índices que medem a inflação no Brasil apresentam distorções importantes e ficamos com uma inflação oficial divulgada pelo governo e uma inflação “oficiosa” que é aquela que a gente sente no dia a dia.

Temos eleições pela frente e o próximo mandato presidencial precisará investir em infraestrutura para alavancar nossa indústria novamente. Sem crescimento do PIB não haverá como reverter a inflação atual. E o futuro do país estará comprometido.

Graças a Deus, não temos mais estádios para construir….

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *